Tartaruga-marinha-de-dorso-chato

Fotografia por Zig, CC BY-NC-ND

Local da foto: Território do Norte, Austrália

  NÃO reproduza o conteúdo deste site sem autorização!

Tartaruga-marinha-de-dorso-chato

Natator depressus
Reino Animalia
Filo Chordata
Classe Reptilia
Ordem Testudines
Família Cheloniidae
Gênero Natator
Nome Científico Natator depressus(Garman, 1880)
Nome Inglês Flatback Sea Turtle
Estado de Conservação DD  - Dados Insuficientes (IUCN / 1996)

Descrição

A tartaruga-marinha-de-dorso-chato é uma espécie de tartaruga marinha da família Cheloniidae. O nome dessa espécie deve-se ao fato de sua carapaça ser muito achatada ou menor do que as outras espécies de tartarugas marinhas.

A tartaruga-marinha-de-dorso-chato pode ser reconhecida pela sua carapaça achatada e lisa, que tem as bordas viradas para cima ao longo dos lados. A carapaça é composta de escamas ósseas finas, e é mais fina do que a carapaça de outras espécies de tartarugas marinhas, podendo quebrar/rachar sob as menores pressões. A coloração da tartaruga-marinha-de-dorso-chato pode ser verde-oliva ou uma mistura de cinza e verde. A cabeça e as nadadeiras também são verde-oliva. O plastrão tem uma coloração creme ou amarelo-pálida.

A tartaruga-marinha-de-dorso-chato tem um comprimento médio que varia de 76 a 96 cm, e um peso que varia de 70 a 90 kg. As fêmeas dessa espécie são maiores do que os machos na idade adulta e têm caudas mais longas do que os machos.

Biologia

A tartaruga-marinha-de-dorso-chato é uma espécie onívora, mas tem uma dieta predominantemente carnívora. Ela se alimenta principalmente de presas encontradas nas águas rasas onde ela nada: corais-moles, pepinos-do-mar, camarões, águas-vivas, moluscos e outros invertebrados. Ocasionalmente ela também se alimenta de gramíneas marinhas, e raramente até mesmo de vegetação.

Ao contrário de outras espécies de tartarugas marinhas, a tartaruga-marinha-de-dorso-chato não passa qualquer parte de sua vida no fundo do oceano, permanecendo nas águas superficiais da plataforma continental. Ela passa grande parte do dia flutuando na superfície do mar, tomando sol, e não é incomum ver aves descansando nas costas da tartaruga.

A época de reprodução da tartaruga-marinha-de-dorso-chato varia dependendo da localidade. No sul de Queensland, por exemplo, o acasalamento começa em outubro e a nidificação ocorre entre outubro e janeiro, com pico em dezembro. No norte da Austrália, a nidificação ocorre entre junho e agosto. Em cada época de nidificação, a fêmea pode produzir até 4 ninhadas com intervalos de 13 a 18 dias. O acasalamento ocorre enquanto o macho e a fêmea estão no mar, portanto, os machos nunca voltarão para a praia depois que nascem. A fêmea retorna para a mesma praia para suas ninhadas subsequentes dentro da mesma época de nidificação. Ela também retornará para a mesma praia em outras épocas de nidificação.

A fêmea da tartaruga-marinha-de-dorso-chato arrasta-se para fora do oceano, geralmente à noite, e encontra um local adequado na praia; a maioria dos ninhos são construídos no topo de dunas ou tão alto quanto possível em encostas para o mar. Ela escava um buraco usando alternadamente as nadadeiras traseiras para jogar a areia para fora. Dentro do buraco, medindo aproximadamente 22 cm de diâmetro e 30 cm de profundidade, a fêmea coloca uma média de 50 a 60 ovos dentro de 10 minutos. Em seguida, o buraco é preenchido com areia, e mais areia é empilhada em cima para formar um montículo. A fêmea então deixa o ninho e volta para o mar. Cerca de 6 semanas depois, os ovos eclodem e os filhotes emergem da câmara do ninho. A temperatura na qual os ovos foram incubados determinará o sexo dos filhotes: abaixo de 29°C, a ninhada será de machos, acima de 29°C, a ninhada será de fêmeas. Os recém-nascidos instintivamente vão em direção ao mar, se espalhando à medida que correm para a água, ao invés de seguir uns aos outros. A tartaruga-marinha-de-dorso-chato atinge a maturidade sexual entre 7 e 50 anos de idade.

Habitat

A tartaruga-marinha-de-dorso-chato vive em águas tropicais e subtropicais rasas de fundo macio. Ela pode ser encontrada na plataforma continental, em áreas com gramíneas, baías, lagoas, estuários e em qualquer lugar com fundo do mar macio.

Distribuição

Com uma distribuição das mais restritas entre as espécies de tartarugas marinhas, a tartaruga-marinha-de-dorso-chato é encontrada apenas nas águas tropicais do norte da Austrália, Papua Nova Guiné e Papua Ocidental, mas ela nidifica apenas na Austrália.

Continentes de Ocorrência

Austrália/Oceania

Elaboração e Tradução de Texto (Inglês / Espanhol para Português)

  • Terra Selvagem (by LS).

Referências

  • Wikipedia contributors. "Flatback Sea Turtle." Wikipedia, The Free Encyclopedia. Wikipedia, The Free Encyclopedia, 14 Out 2016. Web. 8 Abr 2017.
  • Flatback Sea Turtle fact file on ARKive.
  • Red List Standards & Petitions Subcommittee. 1996. Natator depressus. The IUCN Red List of Threatened Species 1996: e.T14363A4435952.

Mais Espécies de Répteis

Conheça mais espécies de Répteis selecionadas pelo Terra Selvagem.

Você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Saiba que dependemos exclusivamente de anúncios para manter o Terra Selvagem no ar.

Para continuar navegando, desabilite seu bloqueador de anúncios ou adicione o endereço www.terraselvagem.com à lista branca de sites do seu bloqueador de anúncios.