Cobra-chinesa

Fotografia por Lai Wagtail, CC BY-NC-ND

Local da foto: Taiwan

 Canon EOS 300D DIGITAL (Canon)
Distância Focal: 0mm  •  Tempo de Exposição: 1/250s  •  ISO: 100
Data em que a foto foi tirada: 04/05/2005
  NÃO reproduza o conteúdo deste site sem autorização!

Cobra-chinesa

Naja atra
Reino Animalia
Filo Chordata
Classe Reptilia
Ordem Squamata
Família Elapidae
Gênero Naja
Nome Científico Naja atraCantor, 1842
Nome Inglês Chinese Cobra
Estado de Conservação VU  - Vulnerável (IUCN / 2014)

Descrição

A cobra-chinesa é uma serpente altamente peçonhenta do gênero Naja (o gênero das cobras verdadeiras) e pertence à família Elapidae.

A cobra-chinesa é preta iridescente, com uma série de linhas duplas transversais distantes de cor amarela. A superfície abdominal tem uma coloração pérola ou ardósia. A cor dorsal geralmente é marrom, cinza ou preta, com ou sem linhas transversais claras em intervalos irregulares, que são especialmente proeminentes nos juvenis. A parte superior da cabeça geralmente tem a mesma cor da parte dorsal do corpo e da cauda, enquanto os lados da cabeça têm uma coloração mais clara. Alguns espécimes podem ter a superfície dorsal branca, amarela ou marrom. Pode haver linhas cruzadas irregulares ou dispersas de cor branca a cinza-clara ao longo da parte superior do corpo e uma marca semelhante a um óculos na face superior do pescoço expandido (capuz); porém, o desenho no capuz pode variar de figuras parciais a padrões não simétricos. A cor da parte ventral da cabeça e do pescoço varia da branca a cinza-clara ou laranja-claro.

A cabeça da cobra-chinesa é larga, tem formato ligeiramente triangular, e é ligeiramente distinta do pescoço. As escamas dorsais são lisas e lustrosas, enquanto as escamas dorsolaterais são fortemente oblíquas. O corpo é robusto e ligeiramente achatado, e pode ser significativamente achatado quando a serpente é ameaçada. A cauda é curta. As narinas são largas e proeminentes. Os olhos são de tamanho médio, e a íris é um amarelo sujo e escuro, manchado de preto-cinza ou preto-azul. A pupila é redonda e preta. Como outras serpentes da família Elapidae, a cobra-chinesa é proteróglifa, ou seja, tem dois dentes inoculadores de veneno que estão permanentemente eretos (não retráteis), situados na parte anterior do maxilar superior.

Uma serpente de tamanho médio, a cobra-chinesa tem entre 1,2 e 1,5 m de comprimento, mas ela pode crescer até 2 m de comprimento, embora isso seja raro.

Biologia

A cobra-chinesa é uma serpente muito alerta, raramente encurralada, mas se confrontada levanta a parte dianteira do corpo e estende seu capuz, atacando rapidamente se necessário. Os adultos podem ser muito agressivos, mas os mais jovens tendem a ser mais agressivos, pois são mais nervosos com as coisas que os rodeiam. A cobra-chinesa geralmente foge para evitar o confronto com os seres humanos.

A cobra-chinesa é uma serpente terrestre, diurna e crepuscular. Ela tem uma dieta muito variada e preda principalmente roedores, rãs, sapos, lagartos, peixes, pássaros e outras serpentes.

Como outras espécies de serpentes do gênero Naja, a cobra-chinesa é ovípara. O acasalamento ocorre no final da primavera e início do verão. As fêmeas colocam entre 7 e 25 ovos por ninhada no verão e geralmente os protege. Os filhotes nascem com cerca de 20 cm de comprimento.

Habitat

A cobra-chinesa tem como habitats típicos os bosques, matagais, pastagens e manguezais, mas ela é uma espécie adaptável a uma ampla variedade de habitats, incluindo planícies, selvas, campos abertos, campos de arroz em planícies marítimas, diversos tipos de florestas de montanhas e até mesmo regiões densamente povoadas.

Distribuição

A cobra-chinesa é encontrada no sudeste da China (incluindo Sichuan, Guangdong, Guangxi, Guizhou, Hunan, Hubei, Zhejiang e Hainan), Hong Kong, norte do Laos, norte do Vietnã e Taiwan.

Veneno

A cobra-chinesa é um membro altamente peçonhento do gênero Naja. Seu veneno consiste principalmente de neurotoxinas pós-sinápticas e cardiotoxinas. Ela pode injetar até 250 mg de veneno em uma única picada. As cardiotoxinas são citotoxinas; as vítimas sentem dor extrema, o local da picada incha, e a necrose se estabelece rapidamente. No entanto, essa espécie raramente causa morte devido ao soro antiofídico extensamente disponível. Embora não seja uma cobra cuspideira, alguns indivíduos (principalmente espécimes da província de Guizhou) são capazes de ejetar veneno na direção de uma potencial ameaça a uma distância de 2 m.

Continentes de Ocorrência

Ásia

Elaboração e Tradução de Texto (Inglês / Espanhol para Português)

  • Terra Selvagem (by LS).

Referências

  • Wikipedia contributors. "Chinese Cobra." Wikipedia, The Free Encyclopedia. Wikipedia, The Free Encyclopedia, 12 Dec. 2016. Web. 8 Apr. 2017.
  • Snakes of Taiwan.
  • Ji, X. & Li, P. 2014. Naja atra. The IUCN Red List of Threatened Species 2014: e.T192109A2040894.

Mais Espécies de Répteis

Conheça mais espécies de Répteis selecionadas pelo Terra Selvagem.

Você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Saiba que dependemos exclusivamente de anúncios para manter o Terra Selvagem no ar.

Para continuar navegando, desabilite seu bloqueador de anúncios ou adicione o endereço www.terraselvagem.com à lista branca de sites do seu bloqueador de anúncios.