Peixe-sapo-estriado

Fotografia por Christian Gloor, CC BY

Local da foto: Sulawesi do Norte, Indonésia

 E-M5 (OLYMPUS IMAGING CORP.)
Distância Focal: 27mm  •  Abertura: f/13.0  •  Tempo de Exposição: 1/80s  •  ISO: 200
Data em que a foto foi tirada: 10/10/2014
  NÃO reproduza o conteúdo deste site sem autorização!

Peixe-sapo-estriado

Antennarius striatus
Reino Animalia
Filo Chordata
Classe Actinopterygii
Ordem Lophiiformes
Família Antennariidae
Gênero Antennarius
Nome Científico Antennarius striatus(Shaw, 1794)
Nome Inglês Striated Frogfish, Striped Frogfish, Hairy Frogfish, Striped Anglerfish, Striate Anglerfish
Estado de Conservação LC  - Pouco Preocupante (IUCN / 2015)

Descrição

O peixe-sapo-estriado, conhecido também como peixe-sapo-listrado e peixe-sapo-peludo, é uma espécie de peixe marinho da família Antennariidae.

Como outros membros de sua família, o peixe-sapo-estriado tem um corpo arredondado, extensível, e sua pele macia é coberta com espínulas dérmicas dispostas irregularmente que lembram cabelos. Sua grande boca é extensível para a frente, permitindo engolir presas tão grandes quanto o seu próprio tamanho. A coloração do seu corpo é extremamente variável porque cada indivíduo tende a combinar com o ambiente ao redor onde ele vive. Os peixes-sapos têm a capacidade de mudar a coloração e o padrão do pigmento, levando apenas algumas semanas para se adaptarem. A coloração dominante varia da amarela a laranja acastanhada, passando por uma variedade de tons, mas também pode ser verde, cinza, marrom, quase branca, ou até mesmo completamente preta sem qualquer padrão. O corpo e as nadadeiras podem ser marcados com listras escuras quase paralelas ou manchas alongadas, algumas com raios irradiando para fora.

O primeiro espinho dorsal do peixe-sapo-estriado (chamado de illicium) inclina-se para a frente, e é modificado para ser usado como uma vara de pesca. Sua extremidade tem uma característica "isca" semelhante a um verme que, quando ondulada, atrai presas inocentes. O espinho dorsal é composto de 2 a 7 apêndices alongados. A "isca" é uma maneira de distinguir facilmente o peixe-sapo-estriado do peixe-sapo-desgrenhado (Antennarius hispidus), que tem características físicas semelhantes (listras, coloração, apêndices cutâneos) e com o qual muitas vezes é confundido.

O illicium tem o mesmo comprimento do segundo espinho dorsal. O segundo espinho dorsal é praticamente vertical e é móvel, enquanto o terceiro é inclinado para trás do corpo. Eles são bem separados uns dos outros e também da nadadeira dorsal. As nadadeiras peitorais são anguladas e, com as nadadeiras pélvicas, permitem que o peixe-sapo "ande" no fundo do mar e se mantenha em uma posição estável para emboscada.

O peixe-sapo-estriado pode crescer até 25 cm de comprimento. As fêmeas geralmente são maiores do que os machos.

Biologia

Como todos os peixes-sapos, o peixe-sapo-estriado é um carnívoro voraz que devora todas as presas de tamanho adequado que passam dentro da sua área de alcance, geralmente outro peixe, mas às vezes até mesmo indivíduos de sua própria espécie. Ele pode engolir presas do seu próprio tamanho. Sua dieta inclui crustáceos e vários peixes bentônicos.

O peixe-sapo-estriado utiliza o mimetismo batesiano para se esconder de predadores e para caçar presas. Como outros membros de sua família, ele tem um estilo de vida bentônico e solitário. Os indivíduos se reúnem durante o período de acasalamento, mas não se toleram mais após a fertilização.

Uma característica única da família dos peixes-sapos é que os ovos são encapsulados em uma massa de muco flutuante parecida com um cordão. Essa estrutura pode servir como um meio de transportar um grande número de ovos em grandes distâncias geográficas. Imediatamente antes da desova, o macho e a fêmea marcham pelo fundo do mar, com a fêmea na frente e o macho logo atrás. Durante esse tempo, a fêmea está inchada com ovos, muitas vezes ela incha até duas vezes o seu tamanho normal. O casal corre de repente e precipitadamente para a superfície onde a massa de ovos é expelida da fêmea, enquanto o macho libera gametas. O peixe-sapo pode desovar várias vezes ao longo das semanas seguintes. Após a eclosão, as larvas permanecem no plâncton por um período de 1 a 2 meses antes de se instalarem no recife.

Habitat

O peixe-sapo-estriado habita áreas arenosas, rasas, ou recifes de coral e rochosos até águas profundas. Ele pode ser encontrado desde a superfície até 210 m, com uma ocorrência média de 40 m de profundidade.

Distribuição

O peixe-sapo-estriado é encontrado nas águas tropicais e subtropicais do Oceano Índico até o centro do Oceano Pacífico. No Oceano Atlântico ele é encontrado na costa oeste da África, e da costa de Nova Jersey até a costa sul do Brasil, incluindo o Golfo do México e o Caribe.

Continentes de Ocorrência

África, América do Norte, América do Sul, Ásia, Austrália/Oceania

Elaboração e Tradução de Texto (Inglês / Espanhol para Português)

  • Terra Selvagem (by LS).

Referências

  • Wikipedia contributors. "Striated Frogfish." Wikipedia, The Free Encyclopedia. Wikipedia, The Free Encyclopedia, 30 Nov 2016. Web. 08 Abr 2017.
  • McEachran, J.D., Polanco Fernandez, A. & Russell, B. 2015. Antennarius striatus. The IUCN Red List of Threatened Species 2015: e.T16406979A16510007.
  • Florida Museum.
  • Bray, D.J. & Thompson, V.J., Antennarius striatus in Fishes of Australia, acessado em 08 Abr 2017.

Mais Espécies de Peixes

Conheça mais espécies de Peixes selecionadas pelo Terra Selvagem.

Você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Saiba que dependemos exclusivamente de anúncios para manter o Terra Selvagem no ar.

Para continuar navegando, desabilite seu bloqueador de anúncios ou adicione o endereço www.terraselvagem.com à lista branca de sites do seu bloqueador de anúncios.