Peixe-palhaço-de-faixa-larga

Fotografia por Ian Shaw, CC BY-NC

Local da foto: Nova Gales do Sul, Austrália

  NÃO reproduza o conteúdo deste site sem autorização!

Peixe-palhaço-de-faixa-larga

Amphiprion latezonatus
Reino Animalia
Filo Chordata
Classe Actinopterygii
Ordem Perciformes
Família Pomacentridae
Gênero Amphiprion
Nome Científico Amphiprion latezonatusWaite, 1900
Nome Inglês Wide-band Clownfish, WideBand Clownfish, Wide-striped Clownfish, Blue-lip Clownfish, Wide-band Anemonefish, WideBand Anemonefish, Wide-striped Anemonefish, Blue-lip Anemonefish
Estado de Conservação NE  - Não Avaliada pela IUCN

Descrição

O peixe-palhaço-de-faixa-larga, conhecido também como peixe-palhaço-de-lábio-azul, é uma espécie de peixe marinho da família Pomacentridae. Os peixes-palhaços são conhecidos também como peixes-das-anêmonas.

A cor do corpo do peixe-palhaço-de-faixa-larga adulto varia da marrom-escura a preta, com três faixas brancas grossas distintas atravessando verticalmente o corpo: a primeira se sobrepõe na junção da cabeça e do corpo, por trás do olho; a segunda se estende da metade da nadadeira dorsal até o ventre e é muito larga, cerca de duas vezes a largura média da faixa do meio de outras espécies de peixes-palhaços; a terceira cobre o pedúnculo caudal. As nadadeiras peitorais são pálidas. A borda da parte espinhosa da nadadeira dorsal é amarela ou laranja. O restante da nadadeira dorsal, as nadadeiras pélvicas e as nadadeiras anal e caudal são escuras. A nadadeira caudal tem uma borda branca larga. A espécie pode ter uma coloração azul brilhante no lábio superior e nas bordas das faixas.

Os juvenis têm uma coloração ligeiramente diferente: o corpo é preto ou marrom-escuro e tem as três faixas brancas, mas a faixa do meio é mais estreita e se estende ao longo da borda dos raios moles da nadadeira dorsal. O restante da nadadeira dorsal é amarela. A faixa branca do pedúnculo caudal se estende ventralmente pelo pedúnculo caudal e ao longo da margem superior da nadadeira caudal, que é principalmente amarela com uma margem preta. As nadadeiras peitorais são amarelas. O focinho é amarelo e a parte espinhosa da nadadeira dorsal e as nadadeiras anal e pélvicas são escuras.

O peixe-palhaço-de-faixa-larga tem 10 espinhos dorsais, dois espinhos anais, 15 a 16 raios dorsais moles e 13 a 14 raios anais moles. Ele pode crescer até 15 cm de comprimento.

Biologia

Como todos os peixes-palhaços, o peixe-palhaço-de-faixa-larga forma um mutualismo simbiótico com anêmonas-do-mar, e ele não é afetado pelos tentáculos urticantes da anêmona hospedeira. A anêmona se beneficia da presença do peixe-palhaço e o peixe-palhaço se beneficia vivendo com a anêmona. A relação entre o peixe-palhaço e sua anêmona hospedeira não é aleatória, mas é altamente aninhada na estrutura. O peixe-palhaço-de-faixa-larga é hospedado pela anêmona-do-mar-de-couro (Heteractis crispa), anêmona-do-mar-de-pontas-de-bolha (Entacmaea quadricolor) e anêmona-do-mar-tapete-gigante (Stichodactyla gigantea).

A dieta do peixe-palhaço-de-faixa-larga é composta de pequenos invertebrados planctônicos e algas bentônicas.

O peixe-palhaço-de-faixa-larga é um hermafrodita sequencial com uma hierarquia de dominância baseada em tamanho: a fêmea é a maior, o macho reprodutor é o segundo maior, e os machos não reprodutores são progressivamente menores conforme a hierarquia desce. A espécie apresenta protandria, ou seja, o macho reprodutor se torna fêmea se a única fêmea reprodutora morrer, e o maior macho não reprodutor se torna o macho reprodutor.

O peixe-palhaço-de-faixa-larga tem um território pequeno, vive em grupos familiares, e machos e fêmeas formam fortes laços de casal.

A reprodução do peixe-palhaço-de-faixa-larga ocorre quando a temperatura da água começa a subir, mas como ele vive em águas subtropicais, a reprodução pode ocorrer durante quase todo o ano. O macho escolhe um local de nidificação em uma rocha descoberta perto da sua anêmona hospedeira. Ele limpa o local de algas e detritos, muitas vezes auxiliado pela fêmea. A fêmea coloca seus ovos nessa superfície e o macho protege e areja os ovos até a eclosão. Os ovos têm formato elíptico, são demersais e aderam ao substrato. Após um período de 6 a 7 dias, os ovos eclodem e os filhotes não têm nenhum cuidado parental. Eles nadam em águas superficiais na fase larval durante 8 a 12 dias, posteriormente descendo até o fundo em busca de uma anêmona.

Em um estudo de reprodução do peixe-palhaço-de-faixa-larga em Julian Rocks (Nova Gales do Sul), foi descoberto que as fêmeas desovaram até 3 vezes por mês durante o verão (dezembro a abril), com um pico durante janeiro e fevereiro. A desova foi menos frequente durante os meses mais frios (maio a novembro). O número de ovos por ninhada variou de cerca de 800 a 3.870.

Habitat

O peixe-palhaço-de-faixa-larga habita recifes de coral e recifes rochosos em águas subtropicais em profundidades entre 5 e 45 m.

Distribuição

O peixe-palhaço-de-faixa-larga é endêmico da Austrália. Ele ocorre do sul de Queensland até o norte de Nova Gales do Sul, Ilha Norfolk e Ilha de Lord Howe.

Continentes de Ocorrência

Austrália/Oceania

Elaboração e Tradução de Texto (Inglês / Espanhol para Português)

  • Terra Selvagem (by LS).

Referências

  • Wikipedia contributors. "Amphiprion latezonatus." Wikipedia, The Free Encyclopedia. Wikipedia, The Free Encyclopedia, 06 Fev 2017. Web. 08 Abr 2017.
  • "Amphiprion latezonatus." Wikipedia, La enciclopedia libre. 28 Jun 2016, 05:03 UTC. Web. 08 Abr 2017
  • Dianne J. Bray & Rebecca D. Bray, Amphiprion latezonatus in Fishes of Australia, acessado em 08 Abr 2017.
  • Allen, G.R., 1991. Damselfishes of the world. Mergus Publishers, Melle, Germany. 271 p. FishBase.org

Fotos da Espécie

Mais Espécies de Peixes

Conheça mais espécies de Peixes selecionadas pelo Terra Selvagem.

Você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Saiba que dependemos exclusivamente de anúncios para manter o Terra Selvagem no ar.

Para continuar navegando, desabilite seu bloqueador de anúncios ou adicione o endereço www.terraselvagem.com à lista branca de sites do seu bloqueador de anúncios.