Oricteropo

Fotografia por Rudi van den Heever, CC BY-NC-ND

Local da foto: Parque Nacional de Marakele, África do Sul

 Canon EOS 7D (Canon)
Distância Focal: 300mm  •  Abertura: f/5.6  •  Tempo de Exposição: 1/800s  •  ISO: 400
Data em que a foto foi tirada: 03/09/2011
  NÃO reproduza o conteúdo deste site sem autorização!

Oricteropo

Orycteropus afer
Reino Animalia
Filo Chordata
Classe Mammalia
Ordem Tubulidentata
Família Orycteropodidae
Gênero Orycteropus
Nome Científico Orycteropus afer(Pallas, 1766)
Nome Inglês Aardvark
Estado de Conservação LC  - Pouco Preocupante (IUCN / 2015)

Descrição

O oricteropo é um mamífero bizarro e elusivo da família Orycteropodidae. Apesar de parecer vagamente semelhante em aparência com um porco (seu nome comum em inglês, aardvark, significa "porco da terra" na língua africâner), o oricteropo é, na verdade, o único membro da ordem Tubulidentata.

O oricteropo tem um corpo robusto e arqueado, esparsamente coberto de pelos eriçados, um pescoço curto, uma cauda longa e muscular e orelhas pontudas. Ele também tem um focinho tubular e flexível, e uma língua longa e extensível que, juntos, são perfeitamente adequados para procurar e consumir uma dieta de formigas e cupins. O pelo grosso do oricteropo varia na cor, do cinza amarelado pálido ao rosado, embora muitas vezes é tingido com um cinza-escuro ou marrom avermelhado do solo ao qual ele se enterra. Seus membros curtos e poderosos suportam garras grandes, afiadas e com formato de pá, que permitem ao animal cavar com facilidade.

O oricteropo tem entre 140 e 220 cm de comprimento total, 60 cm de altura (ombros) e peso entre 40 e 100 kg.

Biologia

O elusivo oricteropo é um animal principalmente noturno, passando o dia dormindo enrolado em sua toca. No entanto, ocasionalmente, ele pode ser avistado se aventurando na luz do dia em uma tarde fria ou no início da manhã. À noite, o oricteropo deixa a segurança da sua toca e começa sua busca por comida.

A dieta do oricteropo é composta de uma variedade de espécies de formigas e cupins. Ele procura suas presas andando em zigue-zague, inspecionando uma área do solo de cerca de 30 m de largura com o seu focinho. O oricteropo tende a caminhar sobre suas garras, um pouco lento e sem jeito e, em solo macio, sua cauda arrastando no chão deixa rastros para trás.

Quando o oricteropo encontra seu alimento, após cavar no solo, abrindo um cupinzeiro ou encontrando um exército de formigas em marcha, ele recolhe suas presas com a sua língua comprida e pegajosa, que pode se estender até 30 cm. Ele não mastiga suas presas (ele pode comer mais de 50.000 a cada noite), mas ao invés disso, ele as engole inteiras e as tritura em uma área muscular na parte inferior do estômago.

O oricteropo é incrivelmente habilidoso para cavar. Ele não só cava buracos rasos em busca de alimento, mas também escava tocas com até três metros de comprimento para descansar durante o dia e escapar de predadores. Ele também escava sistemas de túneis extensos para dar à luz seus filhotes. As tocas podem ter até 13 m de comprimento, com várias câmaras e múltiplas entradas. Seus membros poderosos e garras afiadas facilitam o trabalho de escavação mesmo em solo duro, e ele pode cavar buracos mais rápido do que vários homens com pás. As tocas do oricteropo são usadas por vários outros animais africanos, de invertebrados a mamíferos, fazendo com que o oricteropo tenha uma importante contribuição para os ecossistemas.

O oricteropo é em grande parte um animal solitário, e é visto na companhia de outros indivíduos apenas ocasionalmente, na época de acasalamento ou quando um jovem acompanha sua mãe. A fêmea dá à luz a apenas um filhote, após um período de gestação de 7 a 9 meses. O filhote permanece na toca por cerca de duas semanas antes de começar a acompanhar sua mãe à noite, em viagens em busca de alimento. Aos seis meses de idade, o jovem já pode cavar para si mesmo, e aos 12 meses ele atinge o tamanho adulto. A maturidade sexual é atingida aproximadamente aos dois anos de idade.

Habitat

O oricteropo ocorre em uma variedade de habitats, incluindo pastagens, florestas, savanas e bosques. Ele mostra uma preferência por áreas de solo arenoso e evita solos rochosos, que são difíceis de cavar, e habitats que são extremamente secos.

Distribuição

O oricteropo é uma espécie bem distribuída na África. Ele ocorre ao sul do Saara, do Senegal até a Etiópia e, ao sul até a África do Sul, e está ausente do Deserto da Namíbia e Deserto do Saara.

Continentes de Ocorrência

África

Elaboração e Tradução de Texto (Inglês / Espanhol para Português)

  • Terra Selvagem (by LS).

Referências

  • Wikipedia contributors. "Aardvark." Wikipedia, The Free Encyclopedia. Wikipedia, The Free Encyclopedia, 30 Mar. 2017. Web. 30 Mar. 2017.
  • Aardvark fact file on ARKive.
  • Taylor, A. & Lehmann, T. 2015. Orycteropus afer. The IUCN Red List of Threatened Species 2015: e.T41504A21286437.

Mais Espécies de Mamíferos

Conheça mais espécies de Mamíferos selecionadas pelo Terra Selvagem.

Você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Saiba que dependemos exclusivamente de anúncios para manter o Terra Selvagem no ar.

Para continuar navegando, desabilite seu bloqueador de anúncios ou adicione o endereço www.terraselvagem.com à lista branca de sites do seu bloqueador de anúncios.