Gato-andino

Fotografia por Jim Sanderson, CC BY-SA

  NÃO reproduza o conteúdo deste site sem autorização!

Gato-andino

Leopardus jacobita
Reino Animalia
Filo Chordata
Classe Mammalia
Ordem Carnivora
Família Felidae
Gênero Leopardus
Nome Científico Leopardus jacobita(Cornalia, 1865)
Nome Inglês Andean Cat, Andean Mountain Cat, Mountain Cat
Estado de Conservação EN  - Em Perigo (IUCN / 2016)

Descrição

O gato-andino é uma espécie de mamífero da família Felidae. É considerado um dos felinos selvagens mais ameaçados do mundo e talvez o felino sul-americano mais raro, e ainda é uma das espécies de felinos menos conhecidas. Ele é muito raro, e sua semelhança com o gato-palheiro (Leopardus colocola) fizeram o estudo desta espécie ainda mais difícil. Houve apenas algumas observações do gato-andino na natureza, poucas fotografias tiradas e apenas algumas poucas peles e crânios de museus foram preservados.

O gato-andino é descrito como um felino pequeno, mas robusto, com uma pelagem longa e cinzenta padronizada com manchas vermelhas "enferrujadas". Os lados são marcados com listras escuras grossas que se estendem do dorso, e barras cinzentas e escuras correm pelo seu peito e pernas dianteiras. A cauda é longa e grossa, com cerca de 70% do comprimento (cabeça-corpo) do felino, e possui cerca de sete anéis escuros. Seu nariz é preto, e sua barriga é pálida com manchas escuras.

O comprimento total do corpo do gato-andino varia entre 57 e 85 cm e sua cauda tem entre 41 e 48 cm de comprimento (cerca de 70% do comprimento do seu corpo). Seu peso é de 4 kg.

Biologia

Essencialmente nada se sabe sobre a biologia e o comportamento do gato-andino. Sua área de ocorrência é tão remota e inóspita que torna extremamente difícil fazer pesquisas, e não existe nenhum espécime conhecido em cativeiro. O que se sabe sobre este felino foi obtido através de raros avistamentos do animal, estudos fisiológicos de espécimes empalhados e, mais recentemente, análise genética de seus excrementos.

A área de ocorrência do gato-andino parece coincidir com a distribuição do chinchila-de-cauda-longa (Chinchilla lanigera) e do viscacha (roedores do gênero Lagidium), e foi observado caçando estas espécies. A longa cauda do gato-andino parece ajudar no equilíbrio quando o animal está perseguindo estes roedores. A dieta do gato-andino pode ou não incluir outras espécies, como aves, répteis e outros pequenos roedores, mas não há nenhuma informação sobre isto.

Este pequeno felino tem uma audição muito apurada, o que pode ajudar na caça, devido aos seus tímpanos bem desenvolvidos. Esta adaptação é típica de animais que habitam ambientes áridos, com pouca cobertura para a proteção, tais como as espécies de chinchilas de montanha.

O gato-andino pode sofrer competição com o gato-palheiro por alimento e espaço. O gato-palheiro ocorre em maior número nos Andes, e também ocupa as regiões mais baixas e mais produtivas dos Andes, o que pode restringir o gato-andino. O gato-andino tem uma população significativamente menor do que o gato-palheiro e acredita-se viver em baixas densidades, mas não existem números conhecidos. Ele parece ser extremamente especializado em seus requisitos de habitat, e a presença de pilhas rochosas e pedras pode ser importante.

Habitat

O gato-andino habita áreas rochosas, áridas e com vegetação esparsa dos altos Andes, e está restrito a habitats acima de 4.000 m de altitude.

Distribuição

O gato-andino vive na Cordilheira dos Andes. Ele está distribuído em 620 km² em quatro países, Argentina, Bolívia, Chile e Peru, e sua presença é extremamente esparsa.

Ameaças

Não está claro se a raridade do gato-andino é um fenômeno natural ou atribuído às ações humanas. Alternativamente, pode ser simplesmente uma percepção equivocada resultante da falta de observações. As peles desta espécie já foram observadas em mercados locais, ocasionalmente, mortos por pastores. Os índios dos altos Andes parecem ter pouco conhecimento desta espécie e as únicas peles observadas usadas em cerimônias locais foram as do gato-palheiro. Não há registros do comércio internacional desta espécie também. Portanto, pensa-se que a caça do gato-andino é feita primordialmente para proteger animais domésticos locais. A ameaça comum da destruição do habitat, comum em todo o mundo, não se aplica aqui, uma vez que não houve mudanças significativas no uso da terra dos altos Andes ao longo dos últimos 2.000 anos.

Subespécies

Continentes de Ocorrência

América do Sul

Elaboração e Tradução de Texto (Inglês / Espanhol para Português)

  • Terra Selvagem (by LS).

Referências

  • Wikipedia contributors. "Andean Mountain Cat." Wikipedia, The Free Encyclopedia. Wikipedia, The Free Encyclopedia, 22 Mar. 2017. Web. 28 Mar. 2017.
  • Andean Cat fact file on ARKive.
  • Villalba, L., Lucherini, M., Walker, S., Lagos, N., Cossios, D., Bennett, M. & Huaranca, J. 2016. Leopardus jacobita. The IUCN Red List of Threatened Species 2016: e.T15452A50657407.
  • Wright, A. 2004. "Leopardus jacobita" (On-line), Animal Diversity Web.

Mais Espécies de Mamíferos

Conheça mais espécies de Mamíferos selecionadas pelo Terra Selvagem.

Você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Saiba que dependemos exclusivamente de anúncios para manter o Terra Selvagem no ar.

Para continuar navegando, desabilite seu bloqueador de anúncios ou adicione o endereço www.terraselvagem.com à lista branca de sites do seu bloqueador de anúncios.