Alce

Fotografia por Alan D. Wilson, CC BY-SA

Local da foto: Parque Nacional Grand Teton, Wyoming, Estados Unidos

  NÃO reproduza o conteúdo deste site sem autorização!

Alce

Alces alces
Reino Animalia
Filo Chordata
Classe Mammalia
Ordem Cetartiodactyla
Família Cervidae
Gênero Alces
Nome Científico Alces alces(Linnaeus, 1758)
Nome Inglês Moose, Eurasian Elk
Estado de Conservação LC  - Pouco Preocupante (IUCN / 2016)

Descrição

O alce é uma grande espécie de mamífero da família Cervidae, e é a maior espécie de cervídeo do mundo.

O corpo do alce é robusto, com longas pernas, uma cauda relativamente curta e patas largas que ajudam a caminhar na lama e na neve. O macho é maior do que a fêmea e, como em outros cervídeos, o macho tem uma galhada como chifres que cai a cada inverno e cresce novamente durante o verão. O chifre do alce macho é o maior dentre os mamíferos, chegando a pesar 35 kg. A pelagem do alce geralmente é escura, variando entre preta, marrom, marrom acinzentada ou avermelhada, com as pernas mais claras, e consiste de uma fina camada de lã intercalada com pelos longos, proporcionando excelente isolamento térmico. A pele de inverno, que cai na primavera, é mais maçante e de cor mais clara.

Alces machos têm entre 240 e 310 cm de comprimento e pesam entre 360 e 825 kg. As fêmeas têm entre 230 e 300 cm de comprimento e pesam entre 270 e 400 kg.

Biologia

O alce é mais ativo ao amanhecer e ao entardecer. Sua dieta consiste de uma variedade de espécies de ervas, arbustos e árvores, bem como vegetação aquática e, galhos e cascas no inverno. O alce pode ser visto frequentemente andando em lagos e córregos e, muitas vezes, submergindo totalmente para alcançar a comida.

O alce é um forte nadador, e é capaz de correr a uma velocidade de 50 km/h. Suas longas pernas permitem caminhar na neve profunda e trotar facilmente sobre obstáculos ao fugir de predadores como lobos e ursos.

Embora essencialmente solitário o alce pode formar pequenos grupos durante o inverno. A época de acasalamento ocorre em setembro e outubro, e os machos competem por fêmeas com elaboradas exibições e, às vezes, com lutas. Os nascimentos ocorrem entre maio e junho, após um período de gestação de 216 a 264 dias. Geralmente nasce apenas um filhote, mas pode ocorrer o nascimento de gêmeos e trigêmeos. O filhote pesa entre 11 e 16 kg ao nascer, e é capaz de acompanhar a fêmea depois de 2 a 3 semanas, sendo amamentado por cerca de 5 meses. O filhote permanece com a mãe por pelo menos um ano, e é expulso quando a fêmea está perto de dar à luz. O alce pode viver até 27 anos.

Habitat

O alce pode ser encontrado em uma variedade de habitats em regiões frias do norte do planeta que têm cobertura de neve sazonal, da tundra até a floresta boreal. Ele tem uma preferência por habitats úmidos e pantanosos perto da água, mas também pode ser encontrado em campo aberto, incluindo áreas agrícolas, se não houver florestas próximas.

Distribuição

O alce tem uma distribuição circumpolar nas florestas boreais do Hemisfério Norte. Na Eurásia, ocorre no norte e leste da Europa, incluindo a Escandinávia, Polônia e sul da República Checa, leste do rio Yenisei na Sibéria, e ao sul até a Ucrânia, norte do Cazaquistão, norte da China e norte da Mongólia. Na América do Norte, o alce é encontrado na maior parte do Alasca e do Canadá, e ao sul da fronteira entre os Estados Unidos e Canadá, estendendo-se mais ao sul desde as Montanhas Rochosas até Utah e Colorado.

Continentes de Ocorrência

América do Norte, Ásia, Europa

Elaboração e Tradução de Texto (Inglês / Espanhol para Português)

  • Terra Selvagem (by LS).

Referências

  • Eurasian Elk fact file on ARKive.
  • De Bord, D. 2009. "Alces alces" (On-line), Animal Diversity Web.
  • Hundertmark, K. 2016. Alces alces. The IUCN Red List of Threatened Species 2016: e.T56003281A22157381.

Mais Espécies de Mamíferos

Conheça mais espécies de Mamíferos selecionadas pelo Terra Selvagem.

Você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Saiba que dependemos exclusivamente de anúncios para manter o Terra Selvagem no ar.

Para continuar navegando, desabilite seu bloqueador de anúncios ou adicione o endereço www.terraselvagem.com à lista branca de sites do seu bloqueador de anúncios.