Tarântula-de-joelhos-vermelhos-mexicana

Fotografia por Charles Tilford, CC BY-NC-SA

Local da foto: Museu de Insetos de Nova Jersey, Estados Unidos

 Canon EOS DIGITAL REBEL XT (Canon)
Distância Focal: 50mm  •  Abertura: f/4.5  •  Tempo de Exposição: 1/60s  •  ISO: 400
Data em que a foto foi tirada: 06/06/2009
  NÃO reproduza o conteúdo deste site sem autorização!

Tarântula-de-joelhos-vermelhos-mexicana

Brachypelma smithi
Reino Animalia
Filo Arthropoda
Classe Arachnida
Ordem Araneae
Família Theraphosidae
Gênero Brachypelma
Nome Científico Brachypelma smithi(Cambridge, 1897)
Nome Inglês Mexican Redknee Tarantula
Estado de Conservação NT  - Quase Ameaçada (IUCN / 1996)

Descrição

A tarântula-de-joelhos-vermelhos-mexicana é uma espécie de aranha da família Theraphosidae.

Uma aranha particularmente notável, a tarântula-de-joelhos-vermelhos-mexicana é uma grande espécie, variando entre 12,7 e 14 cm de comprimento. Ela tem um abdômen preto coberto com pelos marrons. Suas pernas têm articulações de cor laranja ao laranja avermelhado escuro. Sua carapaça é de cor bege cremosa e tem um quadrado preto distinto. O cefalotórax tem quatro pares de pernas, um par de pedipalpos e quelíceras com presas ocas conectadas à glândulas de veneno. Ela tem um grupo de oito olhos na parte superior da carapaça e dois pares de fiandeiras no lado posterior do seu abdômen. Os machos adultos têm órgãos copulatórios especiais localizados em seus pedipalpos. As fêmeas geralmente são maiores do que os machos.

Biologia

A tarântula-de-joelhos-vermelhos-mexicana é uma caçadora noturna e de emboscada, atacando insetos, pequenos sapos, pequenos lagartos e ratos. Uma área na extremidade de cada perna é sensível a odores, sabores e vibrações, e esta é usada para detectar a presa, assim como para ajudar a detectar um parceiro do sexo oposto. Ela captura e segura a presa com os seus pedipalpos e injeta o veneno com as suas duas presas ocas. O veneno tem a função de paralisar a presa, assim como iniciar a digestão. Após a ação do veneno, a tarântula é capaz de sugar as proteínas e as gorduras de sua presa, deixando apenas uma pequena bola de partes do corpo não digeridas.

Esta tarântula, geralmente dócil, libera pelos do seu abdômen com as pernas traseiras quando se sente ameaçada, causando cegueira se entrar em contato com os olhos de um predador, e também pode causar uma erupção cutânea.

Na natureza, a tarântula-de-joelhos-vermelhos-mexicana acasala no verão, logo depois da muda de maturidade do macho, geralmente na época das chuvas (julho e agosto). O acasalamento ocorre perto ou na toca da fêmea, onde o macho usa seus pedipalpos (membros dianteiros) para transferir seu esperma dentro da abertura na parte inferior do abdômen da fêmea. Após o acasalamento, algumas fêmeas tentam matar e comer o macho, embora isto nunca foi observado na natureza. O esperma e os ovos são armazenados no corpo da fêmea e não são depositados até a primavera.

Na primavera, a fêmea deposita centenas de ovos e o esperma em um "tapete" de seda feito por ela e, em seguida, ela molda este tapete em uma bola ou saco de ovos. A fertilização ocorre em poucos minutos e as pequenas aranhas eclodem em pouco menos de três meses, mas elas permanecem no saco de ovos por mais três semanas. Uma vez fora do saco de ovos, elas passam duas semanas na toca antes de se dispersarem.

Os machos da tarântula-de-joelhos-vermelhos-mexicana amadurecem em cerca de quatro anos de idade, e as fêmeas, em dois ou três anos mais tarde, cerca de seis ou sete anos de idade. É uma espécie de vida longa, com as fêmeas vivendo de 25 a 30 anos de idade; no entanto, os machos só vivem cerca de um ano após a maturidade.

Habitat

A tarântula-de-joelhos-vermelhos-mexicana vive em tocas no solo, em áreas rochosas sob a vegetação espinhosa, geralmente no cerrado ou deserto, florestas de espinhos secas ou florestas tropicais decíduas.

Distribuição

A tarântula-de-joelhos-vermelhos-mexicana é encontrada ao longo da costa central do Pacífico do México, da costa sul de Jalisco ao noroeste do estado de Oaxaca, e no interior dos estados do México e Morelos.

Continentes de Ocorrência

América do Norte

Elaboração e Tradução de Texto (Inglês / Espanhol para Português)

  • Terra Selvagem (by LS).

Referências

  • Wikipedia contributors. "Mexican Redknee Tarantula." Wikipedia, The Free Encyclopedia. Wikipedia, The Free Encyclopedia, 26 Jan. 2017. Web. 6 Apr. 2017.
  • Mexican Redknee Tarantula fact file on ARKive.
  • Giesler, A. and D. Zaitz 2011. "Brachypelma smithi" (On-line), Animal Diversity Web.
  • World Conservation Monitoring Centre. 1996. Brachypelma smithi. The IUCN Red List of Threatened Species 1996: e.T8152A12893193.

Mais Espécies de Invertebrados

Conheça mais espécies de Invertebrados selecionadas pelo Terra Selvagem.

Você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Saiba que dependemos exclusivamente de anúncios para manter o Terra Selvagem no ar.

Para continuar navegando, desabilite seu bloqueador de anúncios ou adicione o endereço www.terraselvagem.com à lista branca de sites do seu bloqueador de anúncios.