Saíra-opala

Copyright © Eduardo Carrión Letort

Local da foto: Quito, Equador

 NIKON D300 (NIKON CORPORATION)
Distância Focal: 500mm  •  Abertura: f/4.0  •  Tempo de Exposição: 1/125s  •  ISO: 400
Data em que a foto foi tirada: 24/04/2008
  NÃO reproduza o conteúdo deste site sem autorização!

Saíra-opala

Tangara callophrys
Reino Animalia
Filo Chordata
Classe Aves
Ordem Passeriformes
Família Thraupidae
Gênero Tangara
Nome Científico Tangara callophrys(Cabanis, 1849)
Nome Inglês Opal-crowned Tanager
Estado de Conservação LC  - Pouco Preocupante (IUCN / 2016)

Descrição

A saíra-opala, conhecida também como saíra-de-coroa-opala, é uma ave passeriforme da família Thraupidae.

A plumagem da saíra-opala é principalmente azul, preta e branca. As auriculares, região malar e garganta são azul-escuras brilhantes. A parte anterior da coroa tem uma coloração opala brilhante a amarela opalescente brilhante que se estende distalmente como uma ampla sobrancelha sobre os olhos até os lados da nuca. O centro da coroa e nuca são pretos. Os escapulários e o manto também são pretos. As coberteiras geralmente são pretas com azul-escuro nas bordas das coberteiras primárias e medianas. O uropígio é opalescente a amarelo opalescente, com uma tonalidade azul nas penas próximas. O peito, lados, flancos e ventre são azul-escuros brilhantes e a parte inferior do ventre e as coberteiras inferiores da cauda são pretas. A íris é marrom-escura, o bico é preto, e as pernas e pés são pretos ou cor de chifre. Macho e fêmea parecem semelhantes ao olhar humano, mas o dicromatismo de plumagem está presente, no entanto, quando analisado utilizando um modelo baseado no sistema visual aviário.

A saíra-opala tem entre 14 e 14,7 cm de comprimento e pesa entre 21 e 26,5 g.

A saíra-opala é parecida com a saíra-diamante (Tangara velia), mas essa não tem as distintas coroa e sobrancelha opala e a parte inferior do ventre é castanho-avermelhada (não preta). Outra espécie semelhante é a saíra-turquesa (Tangara mexicana), mas essa, além de não ter as distintas coroa e sobrancelha opala, tem o uropígio azul e a parte ventral amarelo-clara ou branca (não preta).

Biologia

A dieta da saíra-opala é composta de frutos e insetos, semelhante a outros membros do gênero Tangara. Forrageira na copa das árvores.

A saíra-opala geralmente é vista sozinha ou, às vezes, em grupos de 2 ou 3 indivíduos, ocasionalmente em grupos de até 7 indivíduos, e regularmente se junta a bandos de espécies mistas.

Habitat

A saíra-opala habita florestas tropicais de planícies, mais especificamente florestas de várzea e florestas de terra firme, bordas de florestas, plantações sombreadas perto de florestas e, às vezes, árvores altas longe de florestas.

Distribuição

A saíra-opala é encontrada no sudeste da Colômbia, ao sul pelo leste do Equador, leste do Peru, norte da Bolívia e no oeste da Amazônia do Brasil.

Subespécies

Continentes de Ocorrência

América do Sul

Elaboração e Tradução de Texto (Inglês / Espanhol para Português)

  • Terra Selvagem (by LS).

Referências

  • BirdLife International 2016. Tangara callophrys. The IUCN Red List of Threatened Species 2016: e.T22722958A94795452. Acessado em 18 Nov 2018.
  • Hilty, S. (2018). Opal-crowned Tanager (Tangara callophrys). In: del Hoyo, J., Elliott, A., Sargatal, J., Christie, D.A. & de Juana, E. (eds.). Handbook of the Birds of the World Alive. Lynx Edicions, Barcelona. Acessado em 18 Nov 2018.
  • Ashwill, A., K. J. Burns, and C. H. Richart (2015). Opal-crowned Tanager (Tangara callophrys), version 1.0. In Neotropical Birds Online (T. S. Schulenberg, Editor). Cornell Lab of Ornithology, Ithaca, NY, USA. Acessado em 18 Nov 2018.
  • Clements, J. F., T. S. Schulenberg, M. J. Iliff, D. Roberson, T. A. Fredericks, B. L. Sullivan, and C. L. Wood. 2018. The eBird/Clements checklist of birds of the world: v2018.

Mais Espécies de Aves

Conheça mais espécies de Aves selecionadas pelo Terra Selvagem.

Você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Saiba que dependemos exclusivamente de anúncios para manter o Terra Selvagem no ar.

Para continuar navegando, desabilite seu bloqueador de anúncios ou adicione o endereço www.terraselvagem.com à lista branca de sites do seu bloqueador de anúncios.