Saíra-de-nuca-verde

Copyright © Timo Mitzen

Local da foto: Darién, Panamá

  NÃO reproduza o conteúdo deste site sem autorização!

Saíra-de-nuca-verde

Tangara fucosa
Reino Animalia
Filo Chordata
Classe Aves
Ordem Passeriformes
Família Thraupidae
Gênero Tangara
Nome Científico Tangara fucosaNelson, 1912
Nome Inglês Green-naped Tanager
Estado de Conservação NT  - Quase Ameaçada (IUCN / 2016)

Descrição

A saíra-de-nuca-verde é uma ave passeriforme da família Thraupidae.

A cabeça, garganta e partes superiores da saíra-de-nuca-verde são principalmente pretas, com manchas (que parecem lantejoulas) verdes pálidas nas auriculares, lados do pescoço e na nuca. A coroa tem uma mancha verde-azulada. As asas e cauda têm bordas azuis. O peito tem um padrão de manchas azuis parecidas com lantejoulas. O ventre é canela e o uropígio é verde opalescente ou azul opalescente.

A saíra-de-nuca-verde tem entre 12 e 13 cm de comprimento e pesa entre 18 e 23 g.

A saíra-de-nuca-verde é muito parecida com a saíra-cara-de-lantejoula (Tangara dowii) e as duas já foram consideradas coespecíficas por causa da plumagem muito semelhante, assim como a vocalização, comportamento e preferências de habitat. No entanto, as duas espécies são geneticamente distintas e geograficamente isoladas. A saíra-cara-de-lantejoula tem a mancha da coroa canela (não verde-azulada), tem auriculares, lados do pescoço e nuca verde-azuladas pálidas (não verdes pálidas), tem o padrão de lantejoulas no peito verde-azulado pálido (não azul) e tem manchas menores e menos extensas nos flancos.

Biologia

A dieta da saíra-de-nuca-verde é composta principalmente de frutos, mas também consome insetos.

A saíra-de-nuca-verde geralmente é encontrada em pequenos grupos, e estes, viajam sozinhos ou se juntam a bandos de espécies mistas, especialmente bandos que contêm outra espécie endêmica da sua região, o tangará-do-arbusto-de-pirre (Chlorospingus inornatus).

Habitat

A saíra-de-nuca-verde habita florestas montanas úmidas, florestas premontanas úmidas e bordas de florestas. É encontrada principalmente em altitudes entre 1.400 e 2.000 m.

Distribuição

A saíra-de-nuca-verde é endêmica da região de fronteira entre Panamá e Colômbia. É encontrada nas montanhas do extremo leste do Panamá (Darién) e no extremo noroeste da Colômbia.

Subespécies

Continentes de Ocorrência

América do Norte, América do Sul

Elaboração e Tradução de Texto (Inglês / Espanhol para Português)

  • Terra Selvagem (by LS).

Referências

  • BirdLife International 2016. Tangara fucosa. The IUCN Red List of Threatened Species 2016: e.T22722927A94793841. Acessado em 15 Nov 2018.
  • Hilty, S. (2018). Green-naped Tanager (Tangara fucosa). In: del Hoyo, J., Elliott, A., Sargatal, J., Christie, D.A. & de Juana, E. (eds.). Handbook of the Birds of the World Alive. Lynx Edicions, Barcelona. Acessado em 15 Nov 2018.
  • Green-naped Tanager (Tangara fucosa), In Neotropical Birds Online (T. S. Schulenberg, Editor). Cornell Lab of Ornithology, Ithaca, NY, USA. Acessado em 15 Nov 2018.
  • Clements, J. F., T. S. Schulenberg, M. J. Iliff, D. Roberson, T. A. Fredericks, B. L. Sullivan, and C. L. Wood. 2018. The eBird/Clements checklist of birds of the world: v2018.

Mais Espécies de Aves

Conheça mais espécies de Aves selecionadas pelo Terra Selvagem.

Você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Saiba que dependemos exclusivamente de anúncios para manter o Terra Selvagem no ar.

Para continuar navegando, desabilite seu bloqueador de anúncios ou adicione o endereço www.terraselvagem.com à lista branca de sites do seu bloqueador de anúncios.