Saíra-de-nuca-dourada

Fotografia por Doug Greenberg, CC BY-NC

Local da foto: Província de Pichincha, Equador

 NIKON D500 (NIKON CORPORATION)
Distância Focal: 600mm  •  Abertura: f/5.6  •  Tempo de Exposição: 1/500s  •  ISO: 1400
Data em que a foto foi tirada: 16/04/2018
  NÃO reproduza o conteúdo deste site sem autorização!

Saíra-de-nuca-dourada

Tangara ruficervix
Reino Animalia
Filo Chordata
Classe Aves
Ordem Passeriformes
Família Thraupidae
Gênero Tangara
Nome Científico Tangara ruficervix(Prévost & des Murs, 1846)
Nome Inglês Golden-naped Tanager
Estado de Conservação LC  - Pouco Preocupante (IUCN / 2017)

Descrição

A saíra-de-nuca-dourada é uma ave passeriforme da família Thraupidae.

A plumagem da saíra-de-nuca-dourada é principalmente azul-turquesa ou azul-violeta (dependendo da subespécie). A face possui uma máscara preta que se estende da testa até o queixo e logo atrás dos olhos. A coroa é preta e a nuca tem uma mancha distinta que, em algumas subespécies, é dourada, dando origem ao seu nome comum. Em outras subespécies, a mancha da nuca é avermelhada, refletindo o epíteto específico ruficervix ("nuca vermelha"). O ventre, flancos e as coberteiras inferiores da cauda são acastanhados. As asas e a cauda são pretas com bordas azuis. A íris é marrom-escura, o bico é preto e as pernas e pés são cinzentos. Macho e fêmea são semelhantes na aparência, mas a fêmea é mais opaca e tem a mancha da nuca mais estreita. Indivíduos jovens têm plumagem cinza-azulada. O peito e o ventre são mais claros do que o resto do corpo, os flancos são acastanhados como na plumagem adulta, e a nuca não tem a mancha dourada.

A saíra-de-nuca-dourada tem 13 cm de comprimento e seu peso varia entre 16 e 22,2 g.

A saíra-de-nuca-dourada tem plumagem semelhante à da saíra-verde-metálica (Tangara labradorides) e da subespécie atrocoerulea da saíra-azul-e-preta (Tangara vassorii), mas a nuca dourada/avermelhada da saíra-de-nuca-dourada é a principal característica que a distingue das outras espécies.

Biologia

Uma espécie onívora, a saíra-de-nuca-dourada se alimenta de artrópodes, frutas, corpúsculos müllerianos e néctar. É uma das poucas espécies que desenvolvem uma relação mutualista com árvores da espécie Cecropia gabrielis. Naoki and Toapanta (2001) levantaram a hipótese de que a saíra-de-nuca-dourada se beneficia ao consumir corpúsculos müllerianos da Cecropia gabrielis, enquanto a árvore se beneficia da ave onívora comendo insetos herbívoros que causam danos à arvore.

A saíra-de-nuca-dourada é encontrada com frequência em pares ou em pequenos grupos e, como muitas outras espécies de saíras, também pode ser encontrada em grandes bandos de espécies mistas.

A época de reprodução da saíra-de-nuca-dourada na Colômbia aparentemente ocorre de fevereiro até junho. A fêmea coloca uma ninhada de 2 ovos e o período de incubação é de aproximadamente14 dias. Os filhotes deixam o ninho em aproximadamente 3 semanas após a eclosão.

Habitat

A saíra-de-nuca-dourada habita florestas tropicais e subtropicais de montanhas e florestas secundárias. É encontrada principalmente no dossel ao redor de bordas de florestas tropicais de montanhas e florestas secundárias. Habita também árvores isoladas e arbustos em campos e áreas de clareiras.

Distribuição

A saíra-de-nuca-dourada é encontrada nos Andes da Colômbia, Equador, Peru e Bolívia. Ocorre em altitudes entre 1.100 e 2.400 m, mas é mais frequente acima de 1.500 m.

Subespécies

  • Tangara ruficervix ruficervix - ocorre nos Andes da Colômbia e nas montanhas de Sierra Nevada de Santa Marta.
  • Tangara ruficervix taylori - ocorre no sudeste da Colômbia (leste dos Andes) e leste do Equador.
  • Tangara ruficervix leucotis - ocorre na região subtropical do oeste do Equador.
  • Tangara ruficervix amabilis - ocorre na região subtropical do norte do Peru (ao sul até Huánuco).
  • Tangara ruficervix inca - ocorre na região subtropical do sul do Peru (ao norte até Junín).
  • Tangara ruficervix fulvicervix - ocorre nas florestas de Yungas do noroeste da Bolívia (La Paz e Cochabamba).

Continentes de Ocorrência

América do Sul

Elaboração e Tradução de Texto (Inglês / Espanhol para Português)

  • Terra Selvagem (by LS).

Referências

  • BirdLife International. 2017. Tangara ruficervix (amended version of 2016 assessment). The IUCN Red List of Threatened Species 2017: e.T103846006A119558121. Acessado em 19 Out 2018.
  • D. Lepage, J. Warnier, 2014. The Peters' Check-list of the Birds of the World (1931-1987) Database. Accessed on 19 Out 2018 from Avibase, the World Database.
  • Porturas, L. and K. J. Burns (2012). Golden-naped Tanager (Tangara ruficervix), version 1.0. In Neotropical Birds Online (T. S. Schulenberg, Editor). Cornell Lab of Ornithology, Ithaca, NY, USA.
  • Clements, J. F., T. S. Schulenberg, M. J. Iliff, D. Roberson, T. A. Fredericks, B. L. Sullivan, and C. L. Wood. 2018. The eBird/Clements checklist of birds of the world: v2018.

Fotos da Espécie

Mais Espécies de Aves

Conheça mais espécies de Aves selecionadas pelo Terra Selvagem.

Você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Saiba que dependemos exclusivamente de anúncios para manter o Terra Selvagem no ar.

Para continuar navegando, desabilite seu bloqueador de anúncios ou adicione o endereço www.terraselvagem.com à lista branca de sites do seu bloqueador de anúncios.