Saí-azul-de-pernas-amarelas

Fotografia por Dave Wendelken, CC BY-NC

Local da foto: Tunapuna/Piarco, Trindade e Tobago

  NÃO reproduza o conteúdo deste site sem autorização!

Saí-azul-de-pernas-amarelas

Cyanerpes caeruleus
Reino Animalia
Filo Chordata
Classe Aves
Ordem Passeriformes
Família Thraupidae
Gênero Cyanerpes
Nome Científico Cyanerpes caeruleus(Linnaeus, 1758)
Nome Inglês Purple Honeycreeper
Estado de Conservação LC  - Pouco Preocupante (IUCN / 2016)

Descrição

A saí-azul-de-pernas-amarelas, conhecida também como saí-púpura, é uma ave passeriforme da família Thraupidae.

A saí-azul-de-pernas-amarelas tem um bico preto, fino, curvado e relativamente longo. A cauda é curta e a íris pode ser marrom a marrom-escura ou preta. A espécie apresenta dimorfismo sexual. O macho adulto tem uma máscara preta, plumagem azul-púrpura brilhante, asas, cauda e garganta pretas, e pernas amarelas brilhantes. A fêmea adulta é predominantemente verde na parte dorsal e a parte ventral tem listras esverdeadas que se estendem da parte superior do peito até os flancos. Uma faixa malar azul-clara separa a face e a garganta que têm cor de canela. A cor das pernas pode ser verde-clara, cinza-esverdeada ou amarelo-oliva. Indivíduos jovens são parecidos com as fêmeas adultas, mas o peito, ventre e flancos são mais lisos e a faixa malar azul pode estar ausente.

Uma ave pequena, a saí-azul-de-pernas-amarelas tem entre 9 e 11 cm de comprimento e, em média, 12 g de peso.

As quatro espécies do gênero Cyanerpes - saí-azul-de-pernas-vermelhas (Cyanerpes cyaneus), saí-azul-de-pernas-amarelas (Cyanerpes caeruleus), saí-azul-brilhante (Cyanerpes lucidus) e saí-azul-de-bico-curto (Cyanerpes nitidus) - são semelhantes na aparência, com pernas coloridas, asas longas e cauda curta, e apresentam dimorfismo sexual: os machos têm plumagem azul brilhante e asas pretas, e as fêmeas têm plumagem esverdeada e peito listrado. Além disso, todas têm bico fino, curvado e alongado, adaptado para coletar néctar de flores.

A espécie mais semelhante à saí-azul-de-pernas-amarelas em aparência, habitat e comportamento é a saí-azul-brilhante. Ambos os sexos da saí-azul-de-pernas-amarelas são muito parecidos com as respectivas plumagens da saí-azul-brilhante e os machos podem ser particularmente difíceis de distinguir. A mancha preta da garganta do macho da saí-azul-brilhante é maior, e a borda inferior é mais arredondada; também tem um bico ligeiramente mais curto e o azul da plumagem é um pouco mais claro. A fêmea da saí-azul-brilhante tem uma coroa e lados até a cabeça cinza azuladas relativamente opaca; a coroa da fêmea da saí-azul-de-pernas-amarelas é mais verde, e os lados da cabeça são canela, além de ter uma faixa malar azul mais distinta.

Biologia

A saí-azul-de-pernas-amarelas forrageia principalmente da parte média a parte superior da copa das árvores. Sua dieta é composta de insetos, artrópodes, frutas e néctar. É um importante polinizador e dispersor de sementes.

Uma espécie muito ativa, a saí-azul-de-pernas-amarelas se move rapidamente pela folhagem, muitas vezes agitando as asas à medida que se movimenta, e é encontrada com frequência em pequenos grupos. Geralmente descansa junto com outros pequenos frugívoros em galhos expostos no topo da copa de árvores emergentes ao amanhecer e frequentemente se associa a bandos de pássaros de espécies mistas na copa das árvores.

A reprodução da saí-azul-de-pernas-amarelas parece ocorrer ao longo do ano, provavelmente por causa da sua ampla distribuição geográfica, que abrange a linha do equador e as costas do Pacífico e Atlântico. A maior parte da reprodução da espécie provavelmente ocorre perto do início da estação chuvosa das respectivas localidades.

A fêmea da saí-azul-de-pernas-amarelas constrói um ninho com formato de taça em uma árvore. A ninhada é composta de 2 ovos brancos com manchas marrons que são incubados por cerca de 2 semanas.

Habitat

Os principais habitats da saí-azul-de-pernas-amarelas incluem florestas tropicais de várzea, florestas tropicais inundadas, florestas secundárias e florestas de nuvens. Habita também áreas de savanas e de cerrados, margem de rios e clareiras de florestas, bem como uma variedade de habitats modificados pelo homem, incluindo florestas manejadas, plantações de café, plantações de árvores cítricas e jardins.

Distribuição

A saí-azul-de-pernas-amarelas ocorre na Bolívia, Brasil, Colômbia, Equador, Guiana, Guiana Francesa, Panamá, Peru, Suriname, Trindade e Tobago, e Venezuela.

Subespécies

  • Cyanerpes caeruleus caeruleus - ocorre do extremo leste do Panamá até a Venezuela, nas Guianas e no norte do Brasil.
  • Cyanerpes caeruleus chocoanus - ocorre no oeste da Colômbia e oeste do Equador.
  • Cyanerpes caeruleus hellmayri - ocorre no Planalto das Guianas.
  • Cyanerpes caeruleus longirostris - ocorre na ilha de Trindade.
  • Cyanerpes caeruleus microrhynchus - ocorre do leste da Colômbia até o sul da Venezuela, norte da Bolívia e oeste da Amazônia brasileira.

Continentes de Ocorrência

América do Norte, América do Sul

Elaboração e Tradução de Texto (Inglês / Espanhol para Português)

  • Terra Selvagem (by LS).

Referências

  • BirdLife International. 2016. Cyanerpes caeruleus. The IUCN Red List of Threatened Species 2016: e.T22723009A94798741. Acessado em 14 Abr 2018.
  •  D. Lepage, J. Warnier, 2014. The Peters' Check-list of the Birds of the World (1931-1987) Database. Accessed on 27 Fev 2019 from Avibase, the World Database.  
  • Purple Honeycreeper (Cyanerpes caeruleus), In Neotropical Birds Online. Cornell Lab of Ornithology, Ithaca, NY, USA.
  • "Cyanerpes caeruleus." Wikipedia, La enciclopedia libre. 02 Mar 2018. Web 14 Abr 2018.
  • Clements, J. F., T. S. Schulenberg, M. J. Iliff, D. Roberson, T. A. Fredericks, B. L. Sullivan, and C. L. Wood. 2018. The eBird/Clements checklist of birds of the world: v2018.

Fotos da Espécie

Mais Espécies de Aves

Conheça mais espécies de Aves selecionadas pelo Terra Selvagem.

Você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Saiba que dependemos exclusivamente de anúncios para manter o Terra Selvagem no ar.

Para continuar navegando, desabilite seu bloqueador de anúncios ou adicione o endereço www.terraselvagem.com à lista branca de sites do seu bloqueador de anúncios.