Onça-parda  Puma concolor
Foto: Onça-parda

Fotografia por Lynn Chamberlain / Utah Division of Wildlife Resources, CC BY


Compartilhe

Distribuição Geográfica
(clique no mapa)

Foto: Mapa da Distribuição Geográfica

Nome Comum
Onça-parda

Nome Inglês
Puma, Mountain Lion, Cougar

Nome Científico
Puma concolor

PERFIL DA ESPÉCIE

A onça-parda, também conhecida como leão-da-montanha, suçuarana, onça-vermelha, dependendo da região, é um felino nativo das Américas. É o segundo felino mais pesado do hemisfério ocidental, depois da onça-pintada. Embora grande, a onça-parda está mais relacionada aos felinos menores e é mais próxima geneticamente do gato-doméstico do que com os verdadeiros leões.

Um hábil predador de espera e emboscada, a onça-parda caça uma variedade de presas. As fontes primárias de alimento incluem ungulados como cervos e carneiro-selvagem, bem como gado doméstico, cavalos, e ovelhas, em particular na parte norte da sua área de distribuição. Também pode caçar espécies pequenas, como roedores. Prefere habitats com vegetação rasteira densa e áreas rochosas adequadas às emboscadas, mas também pode viver em áreas abertas.

A onça-parda é territorial. Os tamanhos dos territórios individuais dependem do terreno, vegetação, e abundância de presas. Embora seja um grande predador, nem sempre é a espécie dominante na sua área de distribuição, pois compete pelas suas presas com animais como o lobo-cinzento, onça-pintada, urso-negro e urso-cinzento. É um animal recluso e normalmente evita pessoas. Os ataques a seres humanos são raros, apesar de um aumento recente de frequência.

Devido ao excesso de caça após a colonização européia da América e da ocupação humana contínua dentro do seu habitat, as populações diminuíram na maior parte de sua área histórica de distribuição.

Características físicas

A onça-parda é um felino forte e ágil. Mede entre 1,5 e 2,75 m de comprimento, do nariz à cauda. Desse comprimento, 63-96 cm é composto pela cauda. Os machos pesam entre 53-100 kg. As fêmeas pesam normalmente entre 29-64 kg. O tamanho da onça-parda que habita próxima a linha do Equador é menor, e maior em direção aos pólos.

As onças-pardas têm patas grandes e proporcionalmente as maiores patas traseiras na família dos felinos. Esse físico permite-lhe dar grandes saltos e a capacidade de atingir grandes velocidades em curta duração. Podem atingir 55-72 km/h, mas são melhores adaptadas para acelerações poderosas e curtas, ao invés de longas perseguições. É um hábil escalador, o que lhe permite fugir de concorrentes canídeos. Embora não sejam fortemente associadas com a água, podem nadar.

Habitat e distribuição

Esse grande felino é solitário e tem a maior área de distribuição que qualquer outro grande mamífero selvagem terrestre no hemisfério ocidental, que se estende de Yukon no Canadá ao sul dos Andes na América do Sul. Sendo uma espécie adaptável e generalista, a onça-parda é encontrada em praticamente todos os tipos de habitats das Américas, incluindo todos os tipos de florestas, bem como planícies e desertos montanhosos.

Reprodução e ciclo de vida

As fêmeas atingem a maturidade sexual entre 1,5-3 anos de idade. O período de gestação é de aproximadamente 91 dias e nascem de 1-6 filhotes, mas geralmente 2-3. Os filhotes apresentam pelagem pintada, que desaparece em torno dos 6 meses. A expectativa de vida na natureza é de 8-13 anos e até 20 anos em cativeiro.

Subespécies

  • Puma concolor cabrerae (Onça-parda-argentina)
  • Puma concolor costaricensis (Onça-parda-costa-riquenha)
  • Puma concolor anthonyi (Onça-parda-sul-americana oriental)
  • Puma concolor couguar (Onça-parda-norte-americana)
  • Puma concolor concolor (Onça-parda-sul-americana do norte)
  • Puma concolor puma (Onça-parda-sul-americana do sul)

Referência

Wikipedia (Inglês)


Status de Conservação da Espécie

Least Concern

Status

Pouco Preocupante

Ano avaliado
2008

Classificada por
IUCN 3.1